Os detectores termoluminescentes (TLD) são muito utilizados para medidas der dose de radiação, seja em trabalhadores individuais ou em áreas de interesse. Isso se deve a várias vantagens que eles apresentam as mais importantes que são: alta sensibilidade e baixa influencia á fatores ambientais.
 
A sensibilidade desses detectores depende também de energia da radiação (X ou GAMA) e, por isso, para a avaliação correta da dose é necessário primeiro avaliar a energia do feixe.
Com essa finalidade o dosímetro é constituído de um conjunto de detectores sob vários filtros e se utilizamos menos que três detectores, pode se cometer um erro da ordem de 30% só na avaliação da energia o qual será propagado para a dose avaliada acarretando em erros bem maiores ainda.
Entendemos que a quantidade ideal para a correta avaliação da dose em indiduos ocupacionalmente expostos e, com menos custo possível, é de três detectores.
   
Nossa metodologia e testada constatemente pelo Comitê de Avaliação de serviços de Ensaios e Calibração (CASEC-IRD/CNEN), tendo aproveitamento de 100% de avaliações corretas dentro dos limites estipulados, fruto de constante trabalho de aprimoramento dos procedimentos de controle e qualidade na preparação de nossos dosímetros (Conjunto de filtros e detectores) e nos equipamnetos de leitura.
 
     
© 2018 - IPDR, Todos direitos reservados.